NÃO TENHA MEDO DE SONHAR, JOVEM!

NÃO TENHA MEDO DE SONHAR, JOVEM!

NÃO TENHA MEDO DE SONHAR, JOVEM!
Nunca foi tão difícil e desafi ador ir ao encontro dos jovens, jovens que hoje devido a sociedade do imediatismo buscam respostas
rápidas e por que não dizer “fáceis”. A Igreja quer, em especial através do Papa Francisco e do sínodo dos bispos sobre a juventude,
olhar estes desafi os com os próprios jovens. Para isso é preciso escutar.
Porque não é possível tentar dá resposta ou conselho aos jovens sem antes escutá-los. Estimulados por esta consciência, uma das
diretrizes escolhida pela nossa paróquia, em comunhão com o Projeto Proclamar a Palavra, é mesmo a “opção preferencial pelas
juventudes”. Um dos frutos desta opção foi a criação da Comissão juvenil de São Sebastião, com o objetivo de ter um “espaço”
onde vivermos uma escuta profunda dos jovens envolvidos nas várias realidades juvenis existentes na paróquia (EJC, Crisma,
Crescimento Espiritual, Grupo Resistência, Jovens Sarados e GimVi)… uma escuta onde todos se sintam acolhidos e à vontade
para expressar aquilo que eles têm como anseio, desejos e sonhos. Como disse o Papa Francisco num encontro com jovens: “Os
sonhos são importantes. Mantêm o nosso olhar alargado, ajudam-nos a abraçar o horizonte, a cultivar a esperança em cada ação
diária… Um jovem que não sabe sonhar é um jovem anestesiado… Eis, queridos jovens, (…) este o trabalho que deveis fazer: transformar
os sonhos de hoje na realidade do futuro, e para isto é preciso coragem”.
Nesta comissão nos perguntamos como a Igreja pode acompanhar os jovens, e despertar neles o desejo de conhecer e acolher o
chamado ao amor e a vida em plenitude, e também pedimos aos próprios jovens para ajudar a Igreja a identifi car as modalidades
hoje mais efi cazes para anunciar a boa nova.
A Igreja quer dizer aos jovens que precisa deles! E junto com eles quer escutar o Espírito Santo, que nos coloca em movimento
para escolhas audazes, para sonhar grande e fazer escolhas difíceis. Enquanto escuta a Igreja também alimenta a esperança, desperta
nestes jovens a alegria de experimentar o reencontro com Deus e, descobrir à luz da fé, a sua missão.
Ei jovem: não desista, embora o medo, de buscar os seus anseios, sonhos. Porque “um jovem quando sonha vai longe!”

por Pe. Luís Carlos