QUINTA- FEIRA – SANTOS BASÍLO E GREGÓRIO, BISPOS E DOUTORES
(branco, pref. do Natal ou dos pastores - ofício da memória)

Antífona da entrada

- Velarei sobre as minhas ovelhas, diz o Senhor; chamarei um pastor que as conduza e serei o seu Deus (Ez 34,11.23)

Oração do dia

- Ó Deus, que iluminastes a vossa Igreja com o exemplo e a doutrina de são Basílio e são Gregório Nazianzeno, fazei-nos buscar humildemente a vossa verdade e segui-la com amor em nossa vida. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,na unidade do Espírito Santo.

1ª Leitura: 1º Jo 2,22-28

- Leitura da primeira carta de são João -  Caríssimos: 22 quem é mentiroso, 
senão aquele que nega que Jesus é o Cristo?  O Anticristo é aquele que nega o Pai e o Filho.  23Todo aquele que nega o Filho,  também não possui o Pai. 
Quem confessa o Filho, possui também o Pai. 24Permaneça dentro de vós aquilo que ouvistes desde o princípio. Se o que ouvistes desde o princípio permanecer em vós , permanecereis com o Filho e com o Pai. 25E esta é a promessa que ele nos fez: a vida eterna. 26Escrevo isto a respeito dos que procuram desencaminhar-vos. 27Quanto a vós mesmos, a unção que recebestes da parte de Jesus permanece convosco, e não tendes necessidade de que alguém vos ensine.  A sua unção vos ensina tudo, e ela é verdadeira e não mentirosa. Por isso, conforme a unção de Jesus vos ensinou, permanecei nele. 28Então, agora, filhinhos, permanecei nele. Assim poderemos ter plena confiança, quando ele se manifestar, e não seremos vergonhosamente afastados dele, quando da sua vinda.

- Palavra do Senhor. 
- Graças a Deus. 

Salmo Responsorial: Sl  98, 1. 2-3ab. 3cd-4  (R.3a) 

R. Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.
- Cantai ao Senhor Deus um canto novo,* porque ele fez prodígios!
Sua mão e o seu braço forte e santo* alcançaram-lhe a vitória. 
R. Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.
- O Senhor fez conhecer a salvação,* e às nações, sua justiça;
recordou o seu amor sempre fiel* pela casa de Israel. 
R. Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.
Os confins do universo contemplaram* da salvação do nosso Deus. 
Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,* alegrai-vos e exultai!.
R. Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.

Aclamação ao santo Evangelho

- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Aleluia, aleluia, aleluia.

 - Depois de ter falado, no passado, aos nossos pais pelos profetas muitas veze, em nossos dias Deus falou-nos por seu Filho (Hb 1,1).

- Aleluia, aleluia, aleluia.

Evangelho de Jesus Cristo, segundo João: Jo 1, 19-28
- O Senhor esteja convosco.
- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo  †  segundo João.
- Glória a vós, Senhor!

- 19Este foi o testemunho de João, quando os judeus enviaram de Jerusalém 
sacerdotes e levitas para perguntar: 'Quem és tu?' 20João confessou e não negou. Confessou: 'Eu não sou o Messias'. 21Eles perguntaram: 'Quem és, então? És tu Elias?' João respondeu: 'Não sou'. Eles perguntaram: 'És o Profeta?' Ele respondeu: 'Não'. 22Perguntaram então: 'Quem és, afinal?
Temos que levar uma resposta para aqueles que nos enviaram. O que dizes de ti mesmo?' 23João declarou: 'Eu sou a voz que grita no deserto: 'Aplainai o caminho do  Senhor`' - conforme disse o profeta Isaías. 24Ora, os que tinham sido enviados pertenciam aos fariseus 25e perguntaram: 'Por que então andas batizando, se não és o Messias, nem Elias, nem o Profeta?' 26João respondeu: 'Eu batizo com água; mas no meio de vós está aquele que vós não conheceis,
27e que vem depois de mim. Eu não mereço desamarrar a correia de suas sandálias.' 28Isso aconteceu em Betânia além do Jordão, onde João estava batizando.

- Palavra da salvação.
- Glória a vós, Senhor!


Liturgia comentada

No meio de vós... (Jo 1,19-28)

Que mistério estaria oculto na pessoa daquele profeta vestido de couro e companheiro das feras do deserto? Que força seria aquela que atraía ao Jordão as multidões de penitentes? É por isso que os fariseus vêm interrogá-lo.

Messias? Elias? Profeta? E João nega. Remete-os à profecia de Isaías e diz ser apenas a “voz que clama no deserto” dos homens, aquela massa que se faz de surda diante dos apelos do Senhor.

Os fariseus querem conhecer melhor a João Batista, mas não conhecem Aquele que pode salvar a todos: o Cristo Senhor. Não é sem uma fina ponta de ironia que João adverte: “No meio de vós está Aquele que não conheceis..” É como se dissesse: querem conhecer aquele que vale pouco, e permanece desconhecido de vocês o Único que vale a pena conhecer...

Nós somos esses fariseus. Erramos igual. Dedicamos nossa vida a conhecer os segredos da matéria, dominar os elementos, investigar as leis do Universo, e não prestamos atenção à sede íntima de nosso coração, que tem sede do amor de Deus. O único amor que pode dar sentido a nossas vidas...

Gastamos os dias e atravessamos as noites a ler os filósofos, a esquadrinhar as teses dos sociólogos e a pesquisar as profecias dos economistas, mas não achamos tempo para conhecer a Palavra de Deus. Tal como os fariseus de Jerusalém, nós nos pretendemos sábios e especialistas, acumulamos alentados volumes em nossa estante, mas o coração permanece vazio do conhecimento do Senhor.

Jesus iria exclamar, em oração: “Eu te dou graças, Pai, porque ocultaste estas coisas aos sábios e prudentes, e as revelaste aos pequeninos.” (Mt 11,25) E nós insistimos em dar a nossos filhos o conhecimento do mundo, mas não nos preocupamos em lhes apresentar a sabedoria do Senhor.

Os santos não são assim. Os santos descobrem a estrada estreita, a “pequena via” de Teresinha de Lisieux. Menina sabida, ela descobre que Deus é Pai, cheio de amor. Por isso mesmo, basta ser a sua criança. Daí em diante, já não precisa fazer força para galgar os degraus da escadaria, pois há um elevador a sua disposição...

Em cada missa, na assembléia que celebra, dizemos em coro: “Ele está no meio de nós!” E quem é Ele? Que significa Ele em nossa vida?

Orai sem cessar: “Na minha noite, Senhor,
                             me fazes conhecer a sabedoria!” (Sl 51 [50],8)
Texto de Antônio Carlos Santini, da Comunidade Católica Nova Aliança

Imprimir Enviar artigo para um amigo Criar um arquvo PDF do artigo

© 2010 Paróquia São Sebastião. Todos os direitos reservados.
Rua Úrsula Paulino, 1555 . Bairro Betânia, Belo Horizonte - MG. Cep: 30.580-000
Tel (31) 3383 1996 Fax (31) 3383 1545

Horário de funcionamento da secretaria da paróquia:
De Segunda a Sábado de 7h às 22h
Patrocinadores:
Entrar |
Entrar |
Créditos
Bertholdo © 2009